Perspectivas realistas sobre o futuro do trabalho

Nos dias 27 e 28 de novembro de 2018, houveram muitas discussões interesantes na conferência em Washington. Nestes dois dias muitas possibilidades diferentes foram apresentadas, tais como a usagem de tecnologias modernas no ambiente de mercados de trabalho, o Blockchain, Inteligência Artificial e aprendizado de máquinas (machine learning). O evento, organizado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e pelo laboratório de mídia do MIT, atraiu especialistas de alto nível de empresas privadas, organizações públicas e universidades de todo o mundo. Stefan Winzenried, CEO e fundador, e Diego Rico, vice-presidente e gerente de projetos da LATAM, tiveram o prazer de representar a tecnologia da JANZZ.technology na reunião.

O objetivo deste evento que tinha com tema «Inteligência artificial e algoritmos de correspondência para colocação profissional» era introduzir diferentes sistemas de correspondência inteligente com IA entre canditatos a empregos. Cristina Pombo, consultora sênior do departamento do setor social do BID), moderou o evento, no qual, além de um reprensentante do WCC, Stefan Winzenried respondeu ás perguntas do plenário e explicou as ideias sobre a implementação prática, bem como os desafos e possibilidades da correspondência semântica, transparente e em grande parte não discriminatória. Em particular, ficou claro como os preconceitos em potencial e / ou o tratamento desigual no recrutamento tecnológico podem ser prevenidos em um estágio inicial e quais são as possibilidades mais importantes que essas tecnologias abrem para o futuro.

Diego Rico apresentou novas ferramentas para análise do mercado de trabalho usando a Plataforma de Rótulo Branco do JANZZ em Paraguai, “ParaEmpleo”. O objetivo do evento foi mostrar formas progressivas, significativas e fáceis de usar e como os atores no mercado de trabalho podem ser mais bem informados.
A equipe do JANZZ concentrou-se em unir as palestras de tecnologia e pesquisa aos casos de uso prático do atual projeto no Paraguai.
No centro da discussão estavam as várias estratégias, medidas e insights que poderiam ser obtidos da região LATAM de uma forma estruturada.
A participação da equipe do JANZZ resultou com uma análise significativa dos desafios passados ​​e atuais dentro do projeto, bem como a possibilidade de reproduzi-lo em diferentes países da América Latina.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer se juntar a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *